Clube do Audiolivro da BSP traz em setembro versão condensada de “O Médico e o Monstro”

Escrito por Robert Louis Stevenson na segunda metade do século XIX, “O Médico e o Monstro” conta a história do Dr. Jekyll e seu alter ego, o senhor Hyde. Adaptado e condensado para o público infantojuvenil, o clássico de Stevenson será tema do Clube do Audiolivro Online da Biblioteca de São Paulo na terça, 29 de setembro, às 14h30, em uma parceria com a Tocalivros.
Destinado a jovens entre 11 e 14 anos, o Clube do Audiolivro está com inscrições abertas. Para participar, acesse www.bsp.org.br/inscricao. As vagas são limitadas. Os primeiros inscritos receberão instruções para baixar o título gratuitamente.
A BSP é um equipamento da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, gerida pela Organização Social SP Leituras – eleita pelo segundo ano consecutivo uma das 100 Melhores ONGs do Brasil.
Narrada por um amigo do Dr. Jekyll, a novela gótica mostra as diferenças público e privado, consciente e inconsciente. Em entrevista ao jornal The New York Herald, em 1887, Stevenson conta que o argumento para a história veio-lhe por meio de um sonho.
O livro teve várias adaptações para o teatro, cinema e foi editado em várias línguas. O escritor brasileiro Luiz Alfredo Garcia-Roza (1936-2020), em um prefácio à edição brasileira do romance pela Penguin/Companhia das Letras, define-o como “um dos mais perfeitos e provavelmente o mais famoso romance de mistério da literatura de língua inglesa”.
– Clube do Audiolivro Online
“O Médico e o Monstro”, de Robert Louis Stevenson.
Terça-feira, 29 de setembro, das 14h30 às 16h.
Destinado a jovens entre 11 a 14 anos. Inscrições abertas.
Para participar, acesse www.bsp.org.br/inscricao.
Vagas limitadas.
Os primeiros inscritos receberão instruções para baixar o título gratuitamente.
Fonte: saopaulo.sp.gov.br

Acesso Rápido

Museu da Língua Portuguesa passa a ter Clube de Leitura e feira de Troca de Livros

O mês de abril marca a estreia de duas atividades no Museu da Língua Portuguesa, …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *