História da Lapa

O primeiro morador branco da região, hoje conhecida como Lapa, de quem se tem notícia foi o português Domingos Luís, também conhecido como Carvoeiro. Ele e sua esposa dona Ana Camacho eram tidos em alta consideração e como gente de bem na Vila de São Paulo. Chegaram nas terras em 1579 e por lá ficaram alguns poucos anos, seguindo logo para as plagas do Ipiranga. Conta a lenda que ele deixou no local uma imagem de Nossa Senhora. A sesmaria logo passou para as mãos de Gaspar Fernandes e, já nos primeiros anos de 1600, era considerada uma povoação, com o nome de Emboaçava – palavra que vem do tupi e significa “lugar por onde se passa”.
Os primórdios do bairro nos remetem ao século XVIII, quando a região era dividida em apenas duas grandes fazendas: a do coronel Anastácio de Freitas Trancoso (hoje Vila Anastácio) e o Sitio do Emboaçava. As duas fazendas eram atravessadas pelo Caminho dos Goiases – famosa rota de bandeirantes.
Antes disso – séculos antes, nos primórdios da capital – os portugueses se embrenharam pela área que os índios guaianases chamavam de Embuaçava ou Buaçava, nome pelo qual a Lapa ficou conhecida por séculos.
Como todos sabemos, a Lapa tem sua parte nobre – o Alto da Lapa – e também a que nasceu entre o rio Tietê e os trilhos da Ferrovia São Paulo Railway – melhor dizendo, a Santos – Jundiaí: a Lapa de Baixo, um pequeno bairro com casas de classe média, muitas industrias e um grande número de armazéns.
A mudança do nome aconteceu nos primeiros anos de 1700, por obra do padre paulistano Ângelo Siqueira Ribeiro do Prado, um devoto de Nossa Senhora da Lapa ( santa de devoção portuguesa), quando parte da gleba para erguer um ermida em homenagem à Virgem Santíssima da Lapa. O local ficou conhecido como Fazendinha da Lapa e lentamente foi recebendo mais e mais moradores. A palavra Lapa significa “gruta ou caverna na encosta das montanhas, coberta por uma grande pedra”.
Como tais terras tinham pouca serventia para os padres, foram trocadas com o coronel Diogo Pinto do Rego por uma fazenda em Cubatão. A imagem da santa também foi carregada para a cidade do litoral, e por um século a capelinha ficou vazia. O tal coronel tinha uma filha, dona Jacinta Angélica de Lara, casada com o coronel Anastácio de Freitas Trancoso. Com o falecimento do sogro, Anastácio passou a administrar a grande área.
No auge da grande imigração, 1880, começaram a chegar à Lapa família tirolesas ( do norte da Itália), que se dedicavam ao plantio de frutas e verduras. Em seguida vieram outros italianos ( a maioria da região de Veneza), e também portugueses, espanhóis, franceses e sírio libaneses.
Por volta de 1906, com a instalação das oficinas da Estrada de Ferro São Paulo Railway (SPR), operários e técnicos ingleses passearam a residir no bairro, que se encontrava em franco progresso.

Fonte: 450 Bairros São Paulo 450 Anos
Editora: Senac São Paulo
Autor: Levino Ponciano

Programação aniversário Lapa

12/10 –  Pilantragi – Local: Tendal da Lapa das 13h às 21h
Aniversário da Lapa – 12 de outubro – Local: Rua 12 de outubro , das 9h às 16h
Serviços à população (Saúde, Meio Ambiente e Entretenimento)
Aniversário da Lapa – 12 de outubro – Local: Rua 12 de outubro, das 9h às 16h
10h – Teatro Infantil – Caco Mattos, 11h – Bloco de Pedra, 13h – Jazz na Kombi, 14h – Lucille Berce Jazz Quartet, 15h – Escola de Samba Pérola Negra e 9h às 16h – Feira da Saúde – Adorada Saúde
13/10  – Corrida Pueri Domus – Av. Sumaré, 1700 (esgotados) – Av. Sumaré, 1776, ás 9h
Feira Livre de Economia Criativa – Local: Rua Des. do Vale, altura do n° 200, das 11h às 19h
19/10 – Baterias de Blocos – Cerca Frango – 279 e Boêmios da Vila Ipovuca – do Bagaça – Local: Viela Ema Ângelo Murari, das 13h às 18h
Festa das crianças – Rua das Cem Minas (vacinação e entretenimento) – Local: Rua Antônio Brito Marques, das 10h às 17h
26/10 – Roteiro histórico Lapa (Roteiro Praça Cornélia, União Fraterna, Cacilda Becker, Casa Melhoramentos, Tendal da Lapa, Mercado da Lapa) – Local: Praça Cornélia, saída ás 9h
26/10 – Grafite – Local: Rua Bartolomeu Belli, a partir das 9h
Mostra Flanantes (Skate Terminal) – Local: Terminal da Lapa, das 10 às 20h

 

Acesso Rápido

Cansado de ligações de cobrança e telemarketing, saiba o que fazer!

Quem nunca foi importunado por ligações insistentes de telemarketing e empresas de cobrança, no meio …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *