Magnoterapia ajuda a manter uma saúde equilibrada

Equipamento libera energia magnética e combate diversos problemas

 

Segundo a medicina oriental, não há outra maneira para manter a saúde equilibrada e livrar-se de doenças, a não ser limpando, desintoxicando e fortalecendo o organismo. Diante deste cenário, a magnetoterapia pode ser uma grande aliada para o bem-estar.

Porém, mesmo se tratando de uma técnica oriental milenar, há poucos especialistas no Brasil que oferecem a magnetoterapia e um deles é o doutor Mario Ishigaki, que tem uma experiência de mais de 40 anos sobre o tema.

A magnetoterapia é realizada por meio de um aparelho com sistema de tratamento térmico, sendo aplicado em várias partes do corpo um dispositivo que produz campos eletromagnéticos de baixa e alta frequência.

O equipamento ajuda as pessoas a suprir a carência de raio infravermelho por meio da indução eletromagnética. Por meio dela, há uma ativação da circulação sanguínea e consequente realinhamento das moléculas, relaxamento dos músculos, flexibilização das artérias e eliminação das toxinas. “Isso traz uma saúde e harmonia ao corpo”, afirma o especialista.

Por conta de todos esses benefícios, a magnetorapia é indicada para diversas patologias, como artrite, artrose, colesterol, diabetes, dores de coluna, enxaqueca, estresse, fibromialgia, hipertensão e osteoporose. “A USP reconhece a técnica e desenvolve estudos para combater a depressão”, diz Ishigaki.

Cada sessão tem duração de uma hora e, dependendo do problema de saúde, são indicadas de 6 a 15 sessões. “Na primeira, os clientes já saem bastante relaxados, mas é aconselhável dar continuidade ao tratamento, que só é contraindicado para gestantes e pessoas com aparelhos como marcapasso e clamps.”

 

Sobre a magnoterapia

A magnetoterapia tem sido aplicada em hospitais, clínicas e centros desportivos como terapia complementar com resultados muito eficazes para o tratamento de patologias e lesões diversas. Através da regeneração celular, ela traz equilíbrio ao organismo, que passa a se defender de forma natural e com maior eficácia de dores ou, quando o problema já se apresenta, acelerando a cura e a recuperação.

Um estudo realizado pelo Hospital Público de Manerbio (Itália), pelo período de cinco anos e com aproximadamente 7.000 pessoas que sofriam de diferentes patologias, mostrou que a magnetoterapia alcançou resultados positivos em mais de 90% dos casos.

 

Ishigaki Terapias Magnéticas – Rua Pedro de Toledo, 198, conjunto 31, próxima ao Metrô Santa Cruz.

Telefones (11) 5572-8017 e (11) 97472-1810. E-mail mario@ishigaki.com.br e site www.ishigaki.com.br

Acesso Rápido

Ampliada vacinação contra dengue para crianças de 10 a 14 anos

Desde quinta-feira, 11 de abril, a Prefeitura de São Paulo ampliou a vacinação contra a …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *