Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social amplia vagas em hotel para acolher pessoas em situação de rua

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social (SMADS), iniciou nesta quarta-feira (26) a hospedagem de mais 50 idosos em situação de rua no Hotel Plaza Apolo, na região central da cidade.
As novas vagas são destinadas aos idosos que estejam em condições de maior autonomia para o autocuidado, identificados pela equipe técnica do Centro de Acolhida para Adultos do qual foram encaminhados.
As acomodações são duplas, respeitando a distância entre as camas e seguindo as orientações de higiene recomendadas pelas autoridades sanitárias.
O estabelecimento hoteleiro será remunerado pela Prefeitura (por diária e por pessoa) e oferecerá alimentação completa – café da manhã, almoço e jantar com horários estabelecidos – e serviço de limpeza. O atendimento social será realizado pelos técnicos da parceria entre a SMADS e a Organização Social Civil (OSC) APOIO – Associação de Auxílio Mútuo da Região Leste.
Atuação durante a pandemia – A SMADS informa que dispõe de 101 centros de acolhida para pessoas em situação de rua, totalizando 24.267 vagas. Durante a situação de emergência criou 1.272 novas vagas de acolhimento, sendo 672 em oito equipamentos emergenciais em centros esportivos, outras 400 em quatro Centros Educacionais Unificados (CEUs), utilizados durante a Operação Baixas Temperaturas, e 200 vagas em quatro hotéis para hospedagem de idosos em situação de rua já acolhidos na rede socioassistencial, em três hotéis na região central da cidade. Os equipamentos funcionam 24 horas, são voltados a diversos públicos e a pasta informa que há vagas disponíveis.
Operação Baixas Temperaturas – Na madrugada de hoje (25), 137 pessoas foram acolhidas, houve 21 recusas e foram distribuídos 200 cobertores. Desde o início do Plano de Contingência para situações de Baixas Temperaturas 2020, em 6 de maio, a rede socioassistencial realizou 1.161.777 acolhimentos. No período de plantão (noite/madrugada) da Coordenação de Pronto Atendimento Social (CPAS) foram realizados 10.412 acolhimentos nas madrugadas atendidas, 998 recusas, 5.998 cobertores foram distribuídos e 6.400 lanches foram distribuídos na cidade.
A SMADS intensifica as abordagens a pessoas em situação de rua quando a temperatura atinge o patamar igual ou inferior a 13°C, ou sensação térmica equivalente. É importante destacar que o aceite é voluntário. Caso a pessoa não aceite o acolhimento, a administração municipal oferece um kit lanche e cobertor.
A operação estará em vigor até 20 de setembro deste ano. Durante o dia, os orientadores socioeducativos que atuam nos Serviços Especializados de Abordagem Social (SEAS) fazem as abordagens em pontos estratégicos da cidade, ofertando encaminhamentos à rede de acolhimento e outros serviços da rede pública.
Nos serviços de acolhimento, os conviventes recebem kit de higiene, acesso a banho e a refeições (café da manhã, almoço e jantar) e podem ser encaminhados para outras políticas públicas de acordo com a demanda.

Hotel Plaza Apolo – Rua Timbiras, 483 – Centro
Data: 26/08/2020 (quarta-feira) Horário (check-in): 14h00

Acesso Rápido

Inauguração da Sala de Operações do 23º BPM/M

Nesta quarta-feira, 3 de abril, o comandante do Vigésimo Terceiro Batalhão de Polícia Militar Metropolitano, …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *