Aquático-SP transporta 6 mil passageiros na primeira semana de operação

O Aquático-SP, primeiro transporte hidroviário público da capital, entregue pela Prefeitura na segunda-feira, dia 13, encerrou a primeira semana de operação com 6 mil passageiros transportados. A SPTrans, que gerencia o transporte público municipal, afirma que foram realizadas 150 viagens nesse período. O novo modal de transporte funciona em operação assistida com duas embarcações que fazem a travessia pela Represa Billings, na Zona Sul, entre os terminais Cantinho do Céu e Parque Mar Paulista Bruno Covas, beneficiando 385 mil moradores dos bairros Grajaú, Cocaia e Pedreira. O trajeto feito pela embarcação Bororé I tem 5,6 quilômetros e dura cerca de 17 minutos, tempo bem menor do que o realizado por ônibus, que leva em média 1h20. A segunda embarcação, com capacidade para transportar até 30 passageiros, faz o percurso em 12 minutos.
O Bororé I é acessível, com espaço para cadeirante, área para bicicletas, ar-condicionado, tomadas USB, televisão, conexão de internet e sanitário, inclusive acessível para pessoas com mobilidade reduzida.
Durante a primeira semana, a operação assistida funcionou das 10h às 16h. A partir desta segunda, 20 de maio, ampliou o horário e passou a operar das 10h às 17h. Até dezembro, os passageiros podem fazer a travessia gratuitamente. Após esse período, o sistema será integrado ao Bilhete Único, inclusive com passagens gratuitas aos domingos.
Além das embarcações, quem vive na região ganhou mais duas linhas de ônibus elétricos que fazem a interligação dos terminais hidroviários com o bairro do Cantinho do Céu e o Terminal Santo Amaro, onde é possível também fazer a integração com o transporte de trilhos. Fonte: capital.sp.gov.br

Acesso Rápido

Homenagem à Ziraldo nas Fábricas de Cultura

Crianças e adultos poderão explorar a diversidade das obras de Ziraldo nas Fábricas de Cultura …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *