Prefeitura prorroga convênio para realização da Operação Delegada

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Segurança Urbana (SMSU), prorrogou no último dia 29 de abril o convênio com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), do governo do estado, para manutenção da Operação Delegada por mais seis meses.
Cerca de R$ 4,5 milhões serão investidos mensalmente no programa de combate ao comércio ambulante irregular ou ilegal e ao comércio irregular de artista de rua em regiões críticas do município, com emprego de policiais militares
A Operação Delegada conta com 964 vagas diárias e a Polícia Militar abre vagas em sua intranet, com locais e vagas por locais. Os policiais recebem por horas trabalhadas e utilizam os mesmos uniformes e viaturas (quando necessárias) de responsabilidade da Polícia Militar.
Vias com Operação Delegada – Atualmente, as ações estão concentradas em vias das Prefeituras Regionais da Sé, Mooca, Santo Amaro, Vila Mariana, Santana, Pinheiros, Lapa e Jabaquara. Na Sé, os policiais militares participam de ações nas ruas 25 de Março, Florêncio de Abreu, José Paulino, Santa Ifigênia, Ladeira Porto Geral, Rua Boa Vista, Rua XV de NOvembro, Praça da Sé, Rua Direita, São Bento, Avenidas Paulista, entre outras vias. Já na Mooca, a ação é concentrada no Largo da Concórdia e nas ruas Oriente, Tuiuti, Bresser, Monsenhor de Andrade, Taquari, entre outras vias.
O Largo 13 de Maio e a Praça Floriano Peixoto são monitorados em Santo Amaro. Na Vila Mariana, a operação acontece na Rua Domingos de Moraes. Em Santana, na Rua Voluntários da Pátria. No perímetro da Prefeitura Regional de Pinheiros, as ruas Cardeal Arcoverde e Oscar Freire recebem são beneficiadas com a ação. Na Lapa, a Rua 12 de Outubro e, no Jabaquara, as avenidas Santa Catarina e Engenheiro Armando Arruda Pereira.
Fonte: capital.sp.gov.br

Acesso Rápido

LGPD x Recrutamento e Seleção, especialista avalia impactos nas empresas

“Além do consentimento do candidato para armazenar os dados, a LGPD obriga gestores a usá-los …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *